Uma montagem fácil. O pedal de distorção Joe Easy Driver

Ah, os efeitos de distorção. Muitos dizem que foi o primeiro efeito de guitarra conseguido através da distorção natural que os amplificadores apresentavam em volumes altos. A partir daí surgiram vários circuitos cuja ideia é realizar esse mesmo efeito porém em qualquer volume. Os circuitos de distorção normalmente são mais simples se comparados com um reverb ou delay, por exemplo. Esse aqui é um bem simples, cuja montagem não requer grandes conhecimentos de eletrônica. Assim até os iniciantes podem montá-lo.
Aconselho montar em uma placa de circuito impresso. Se você não tiver experiência com a confecção de circuito impresso, pode utilizar uma placa universal já perfurada. Essa placa você compra pronta para o uso em lojas de eletrônica. O bom de se utilizar uma PCI é que a montagem fica bem compacta e dessa forma cabe nas menores caixinhas que você imaginar.
Mas antes de sair montando em definitivo, você pode montar em uma matriz de contatos e dessa forma testar e sentir o som. Caso lhe agrade aí sim você parte para uma montagem mais definitiva.
O circuito possui somente 1 componente ativo, um transistor. A alimentação é com 9 Volts e uns outros poucos componentes são necessários para concluir a montagem. Vale a pena também experimentar a troca dos diodos silício por germânio e ver o resultado. Quem sabe até instalar uma chave para realizar a comutação dos diodos a seu gosto para cada música.
No vídeo a seguir você pode conferir o som desse efeito de distorção.

 

Meu nome é Alex Baroni. Sou músico e professor do curso de eletrônica para áudio – Curso Baroni.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *